Observatório de Sergipe

Dados do Caged, do Ministério da Economia, revelam que Sergipe encerrou o mês de junho com 684 empregos a menos. No acumulado do ano (com ajuste), foram perdidos 14.277 vagas. O estoque de empregos em junho ficou em 271.046 postos. As informações foram analisadas e divulgadas pelo Observatório de Sergipe/ Superplan.

Arquivo

Dos cinco setores observados, apenas a ‘indústria’ (+422) e a ‘agropecuária’ (+118) geraram emprego no mês de junho. O saldo negativo foi impulsionado pelos setores ‘Construção’ (-499 vagas), ‘Comércio’ (-402) e ‘Serviços’ (-323 vagas). Na construção, cabe notar as perdas provenientes, principalmente, das atividades ‘construção de edifícios’ (-339) e ‘obras de infraestrutura’ (-115). No comércio, o destaque negativo foi ‘comércio varejista’ (-285). Já no setor de serviços, ‘alimentação’ (-206). 

Municípios que mais perderam emprego em junho: Aracaju (-589), Itabaiana (-76) e Carmópolis (-74).

Municípios que mais geraram emprego: Laranjeiras (+314), Japoatã (+64) e Frei Paulo (+51).