NE Notícias

Freepik

Informa o jornal Folha de São Paulo nesta segunda-feira, 17:

Os impostos que pesam no bolso dos motoristas devem ajudar a engordar os caixas dos estados em 2022.

O salto na arrecadação estadual é percebido desde o ano passado. Dados mais recentes do Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária), do Ministério da Economia, apontam que a entrada de recursos por meio de todos os tributos estaduais teve um aumento de 15,4% entre 2020 e 2021, mesmo considerando que parte dos valores de dezembro ainda não foi consolidada.

(…)

— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE —

INFLAÇÃO JOGOU GASOLINA SOBRE ICMS DE COMBUSTÍVEIS

Com o ICMS sobre combustíveis, os cofres dos estados também devem ficar mais cheios neste ano.

(…)

O caixa dos estados foi favorecido fortemente pela política da Petrobras.

(Com o descongelamento do ICMS pelos Estados, informado por NE Notícias).

Durante o congelamento, em caso de novos reajustes, os postos repassavam somente o aumento do preço da refinaria, sem incluir o efeito da alta posterior do PMPF (Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final). Agora, o impacto nas bombas do descongelamento é esperado para ocorrer já em fevereiro.

Leia matéria completa