NE Notícias

O prefeito que disse “morra quem morrer” teve o mandato cassado.

A Justiça de Itabuna (BA) determinou a extinção do mandato do prefeito Fernando Gomes (PTC) e a suspensão de seus direitos políticos por três anos.

O prefeito foi condenado por improbidade administrativa.

Fernando Gomes – Prefeitura de Itabuna / Arquivo

No início do mês de julho, em transmissão pela internet, o prefeito disse que determinaria a reabertura do comércio “morra quem morrer”.