NE Notícias

Facebook / Arquivo

O governador Belivaldo Chagas (PSD) foi entrevistado na manhã desta quinta-feira, 21, na rádio Jornal FM.

Na entrevista, o governador disse que a “Fundação Hospitalar de Saúde foi mal planejada, foram realizadas contratações malfeitas e o rombo, que hoje é de cerca de R$ 800 milhões, vai cair na conta do governo”.

Segundo Belivaldo, “o governo vive de corrigir” problemas.

Ainda sobre a FHS, o governador disse que, ao falar em rombo, não quis se referir a ninguém, “seja lá quem for”.

O governador disse que o senador Rogério Carvalho (PT), hoje seu adversário p0lítico, continuará em seu vocabulário e que poderá pedir a ele emenda para o Estado de Sergipe.