NE Notícias

TV Cabo Branco / Reprodução

O Gaeco e as Delegacias de Repressão ao Crime Organizado e Combate a Corrupção,  prenderam 11 vereadores da cidade de Santa Rita que retornavam de Gramado após participarem de um falso congresso. O caso foi registrado ainda na madrugada desta terça-feira (05) após deixarem o Aeroporto Castro Pinto.

Entre os vereadores participantes do falso congresso, o vereador de Lagarto, Joselmo Fontes Alves, que foi identificado na investigação policial como um dos inscritos.

A principal linha de investigação da Polícia Civil de Sergipe e do Ministério Público do Rio Grande do Sul, que atuam em parceria, é a de que o congresso teria sido forjado para justificar a viagem dos agentes públicos à cidade de Gramado. Com isso, os agentes públicos receberiam diárias para a viagem.

Veja a lista dos vereadores presos:

1 – Anesio Alves de Miranda Filho  – Presidente da Câmara
2 – Brunno Inocencio da Nóbrega Silva
3 – Carlos Antônio da Silva
4 – Francisco de Medeiros Silva
5 – Diocélio Ribeiro de Sousa
6 – Francisco Morais de Queiroga
7 – João Evangelista da Silva
8 – Ivonete Virgínio de Barros
9 – Marcos Farias de França
10 – Sérgio Roberto do Nascimento
11 – Roseli Diniz da Silva

Além dos vereadores, o contador Fábio Cosme também foi preso. A operação Natal Luz teve apoio da Polícia Civil de Sergipe e do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul.