Aracaju, 16 de Novembro de 2018
MP discute soluções para irregularidades no hospital de Estância


Os Promotores de Justiça Nilzir Soares Vieira Júnior, Carla Rocha Barreto de Almeida e Francisco Ferreira de Lima Júnior reuniram-se na Promotoria de Justiça de Estância, responsável pela Curadoria da Saúde, para debater questões relativas aos problemas encontrados no Hospital Regional Amparo de Maria.

Estiveram presentes à audiência , representantes do Hospital Regional, dos Conselhos Regional de Medicina e de Enfermagem, das Secretarias Municipal de Saúde de Estância e de Tomar do Geru, Secretaria de Saúde do Estado de Sergipe e da Assembleia Legislativa.

Os problemas do Hospital Regional Amparo de Maria foram constatados durante vistoria realizada pelo Ministério Público de Sergipe e amplamente discutidos durante a reunião.

De acordo com o Promotor de Justiça Nilzir Soares, o MP solicitou que o CREMESE, no prazo de dez dias, envie o relatório de inspeção realizado por aquele Conselho. “O MP adotará as providência necessárias para regularizar o serviço prestado pelo HRAM, seja através de procedimentos extrajudiciais ou, caso haja necessidade, através do ajuizamento de Ações”.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados