Aracaju, 24 de Abril de 2014
Traficante mantinha central de monitoramento em casa


O delegado Fábio Pereira do Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc) detalhou na manhã desta sexta-feira, 14, operação ocorrida ontem que culminou com a prisão de três pessoas envolvidas com o tráfico de drogas e a apreensão de 6 quilos de maconha, 600 gramas de crack, 200 gramas de cocaína, além de uma camionete de luxo, duas motos e objetos provenientes de furtos ou roubos que foram trocados por entorpecentes.

A ação é fruto de uma investigação de dois meses que foram iniciadas após denúncias geradas através do Disque-Denúncia da Polícia civil (181). Foi preso o traficante Ednilson Bezerra da Silva que tem passagem por tráfico de drogas e estava internado no hospital São José, onde era tratado após ser baleado em uma troca de tiros contra rivais. "O Ednilson estava hospitalizado acerca de quatro meses e comandava as ações criminosas de dentro da unidade hospitalar", destacou Pereira.

Ainda foram presas mãe e filha por guardar em casa a droga apreendida. Jacirane Santos Prata, 22 anos, que é cunhada de Ednilson. Ela e sua mãe, Gersanete Santos Prata, 53 anos, foram surpreendidas em casa na localidade Alto da Divinéia, em São Cristóvão. "Toda droga apreendida foi encontrada na casa delas. Elas eram seduzidas a guardar os entorpecentes por troca de dinheiro e eletrodomésticos", explicou o delegado.

Na mesma localidade, os policiais foram até a casa de Ednilson, onde localizaram uma central de monitoramento, onde recebia imagens de vários pontos da rua através de câmaras instaladas em postes e até mesmo em casas de moradores. "Eles tinham uma visão privilegiada, pois monitoravam toda a rua e poderiam antecipar ações antes da chegada da polícia", salientou Fábio.

Incentivo

As investigações do Denarc apontam que o traficante Ednilson estimulava pequenos traficantes e criminosos a realizarem furtos e roubos para trocar o material subtraído por drogas.

Foram encontrados na casa de Edmilson vários objetos, inclusive equipamentos de informática que foram furtados da Secretaria de Cultura de São Cristóvão.

Vaidade

Edmilson era tão vaidoso com relação as atividades ilícitas que mantinha uma coleção de DVD's com arquivos de reportagens de prisões relativas a sua participação e de outros comparsas.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
digite o código abaixo e clique em comunicar
    
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados