Aracaju, 27 de Novembro de 2014
Prisões e apreensões de droga e armas em Propriá


A Polícia Civil do município de Propriá deflagrou no início da manhã desta quarta-feira, 20, uma operação com o intuito de combater o tráfico de drogas e homicídios na região. No decorrer do cumprimento sete mandados de prisão, sendo cinco de busca e apreensão e dois de prisão, foram apreendidos dois revólveres calibre 38, 50 pedras de crack e mais 200 gramas da droga.

Durante a ação dos policiais foram presos cinco pessoas identificadas como: Alisson Francisco de Almeida Santos, Robério de Jesus Santos, vulgo "Berinho" e o casal Luciana Roberta dos Santos e Luis Felipe Melo. A primeira prisão aconteceu na casa de Alisson, localizada na rua Rael de Aguiar. No local foram encontrados as pedras de crack, mais uma pedra da droga, duas balanças de precisão, material para o acondicionamento da droga e uma das armas.

"O Alisson comandava o tráfico na região da rua Rael de Aguiar. Encontramos maior parte do material apreendido na sua casa. Contra ele existia um mandado de prisão preventiva por conta de um roubo qualificado", destacou o delegado regional Fábio Santana.
Na mesma rua foi preso o casal Luciana Roberta dos Santos e Luís Felipe Melo. Com eles os policiais encontraram 12 pedras maiores de crack. "O Luis Felipe tentou se livrar da substância entorpecente, mas com a ajuda de um cão farejador do Denarc foi possível encontrar a droga", explicou Santana.

Já no bairro Matadouro, foi realizado o cumprimento de mandado de busca e apreensão e de prisão em desfavor de Robério de Jesus Santos, conhecido como "Berinho". De acordo com Fábio Santana, Robério tentou fugir, sem sucesso, do cerco policial através de um telhado. "Com ele foi encontrada a segunda arma de fogo apreendida durante a operação. Contra Robério existia mandado de prisão por conta do crime de roubo majorado praticado neste ano em Propriá", finalizou o delegado.

Foram lavrados os autos de prisão em flagrante dos conduzidos e estes serão encaminhados para um dos presídios da capital Aracaju, onde ficarão à disposição da Justiça de Propriá. A Operação contou com efetivos da Delegacia Regional de Propriá, da Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Copci), das delegacias das cidades de Telha, de Brejo Grande, de Aquidabã e do Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc).

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
digite o código abaixo e clique em comunicar
    
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados