Aracaju, 22 de Setembro de 2018
Ação do MP - Preso PM recém-formado que assassinou pedinte em loja de conveniência


A pedido do Ministério Público de Sergipe, o Poder Judiciário Sergipano decretou, no último dia 06, a prisão preventiva do policial Bruno Lima Nogueira, acusado de, munido de arma de fogo calibre 40, assassinar o pedinte conhecido por Alex, no dia 13 de dezembro de 2017, por volta das 0H e 10 minutos, no Supermercado “Supertem”, localizado no Posto Petrox do Bairro 13 de julho em Aracaju.

O Juízo da 8ª Vara Criminal de Aracaju decretou a prisão preventiva de Bruno e o madado foi cumprido na última sexta-feita (10), quando Bruno foi preso e encaminhado a um estabelecimento prisional. Na decisão, a magistradaregistrou que a conduta delitiva imputada ao representado é a de homicídio qualificado, crime doloso, punível com pena privativa de liberdade superior a 04 (quatro) anos.

Vale ressaltar que o policial “recém-formado”, apesar de ter sido reprovado no exame psicológico da Polícia Militar, conseguiu ingressar no quadro da Polícia, através de uma liminar deferida pelo Justiça sergipana. “verifico que a prisão cautelar do representado se faz necessária para garantir a ordem pública, em razão da gravidade do crime praticado, de forma violenta e aparentemente gratuita, com inegável abuso de autoridade”, pontuou a juíza na decisão.

Segundo o MP, “além de garantir a ordem pública, por conveniência da instrução criminal e para assegurar a aplicação da lei penal, o MP requereu a prisão preventiva de Bruno Lima Nogueira, até a finalização do processo.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados